Titulo

Lipo de Contorno

A lipoaspiração é uma técnica recente, desenvolvida em 1979, e de fácil execução. Consiste em aspirar depósitos de gordura localizados que não cedem com dietas ou exercícios, causando problemas físicos e psicológicos. Não se trata de uma cura para a obesidade. É preferencialmente indicada para pacientes com peso relativamente normal, pele de boa elasticidade e boa consistência do tecido celular subcutâneo. Nesses casos, a lipoaspiração produz resultados gratificantes. É uma técnica que pode ser usada isolada ou associada a outras mais complexas, como ritidoplastia e a abdominoplastia. As partes do corpo mais indicadas para a lipoaspiração são: quadris, coxas, nádegas, abdômen, braços, joelhos, panturrilhas, parte superior do dorso, pescoço e abaixo do queixo.

Pré-operatório

As únicas recomendações para o período pré-operatório são a suspensão dos medicamentos à base de ácido acetil salicílico (como aspirina) nos dez dias que antecedem à lipoaspiração, e o uso de sabonete antisséptico três dias antes da cirurgia.

Procedimento Cirúrgico

A anestesia utilizada na lipoaspiração pode ser local, peridual ou geral, dependendo da extensão da área a ser aspirada, mas nós preferimos sempre a anestesia mista (combinação da anestesia geral com infiltração local). Através de incisões menores que um centímetro, o cirurgião introduz uma cânula ligada a um aspirador especial, com alta pressão de vácuo. Por baixo da pele, o cirurgião separa a quantidade de gordura a ser removida, aspirando-a em seguida, tendo sempre o cuidado de deixar uma pequena porção de gordura, necessária ao organismo. A seguir, pequenas suturas fecham as incisões, deixando cicatrizes mínimas e em geral escondidas. O ato cirúrgico tem duração média de 45 minutos a duas horas.

Pós-operatório

O tempo de internação é de, no máximo, 24 horas. Durante 30 dias, o paciente deve usar uma cinta especial, para manter a compressão e reduzir o inchaço e as manchas. Por alguns dias, pode haver dor e sensação de adormecimento ou desconforto, que aos poucos desaparecem. Um analgésico comum pode eliminar a dor. Durante cinco dias, é recomendável repouso relativo, em que se deve alternar períodos em posição sentada e deitada. As manchas costumam desaparecer até a 3a semana e, o inchaço, da 6a à 8a semanas. A exposição ao sol é permitida após o 1º mês, sempre de forma gradativa e com filtro solar. Também após 30 dias, já é liberada a prática de exercícios moderados.

Lipoaspiração Superficial

Esta é uma técnica introduzida por nós, que difere da lipoaspiração comum. As cânulas são inseridas na camada gordurosa superficial, sob a pele, produzindo melhores resultados em casos de celulite, por exemplo. A lipoaspiração superficial dá um melhor contorno corporal, pois a pele se acomoda melhor.

 

"O Conselho Regional de Medicina não permite a exibição de imagens de prés e pós-operatórios."